A quarta e última etapa da Formação em Identidade e Missão Marista – Liderança Estratégica, reuniu gestores de diversas áreas do Grupo Marista entre os dias 15 e 17 de junho no CMMC (Centro Marista Marcelino Champagnat), em Curitiba (PR).

Desta vez muitos dos temas discutidos e apresentados tinham relação com a Igreja, o exemplo de liderança do Papa Francisco, os apelos do Instituto Marista, a nova relação Irmãos e Leigos e sobre algumas áreas com grande atuação do Grupo Marista.

A formação teve início no dia 15 no período da tarde e foi aberta pelo presidente do Grupo Marista, Irmão Delcio Balestrin. Ele lembrou aos presentes os avanços do Grupo nos últimos anos e pediu que o espírito do bicentenário e o exemplo do fundador do Instituto Marista, Padre Marcelino Champagnat, esteja presente nas tarefas desempenhadas por cada gestor. “A coragem e a convicção de Marcelino devem fazer parte de nosso trabalho diariamente”, comenta.

O bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, Dom Julio Endi Akamine, foi o primeiro convidado a falar ao grupo de gestores. Sua palestra mostrou a ação do Papa Francisco em seu pontificado e seu bom exemplo de liderança, que é baseado na humildade, solidariedade e presença. Quem também falou sobre o mesmo tema, mas com outras perspectivas, foi a Irmã Anete Giordani, que desenvolve projetos sociais e atende crianças, jovens e idosos em Curitiba (PR).

O Carisma e a Missão Marista

Já no segundo dia do encontro os participantes tiveram a grata surpresa de acompanhar a apresentação musical da cantora Rafa Gomes, que participou recentemente do programa The Voice Kids e é aluna do Colégio Marista Santa Maria. Logo após um momento de oração e reflexão conduzido por José André de Azevedo, da Diretoria de Identidade da PUCPR, o Irmão Natalino Guilherme de Souza, da Província Marista Brasil Centro-Norte, abordou em sua palestra os apelos do Instituto Marista e a relação entre trabalho e a missão, que deve estar presente na atuação de cada colaborador.

Irmão Natalino instigou os gestores a fazer algumas reflexões. Baseado na vida de Jesus Cristo o religioso mostrou através de frases e figuras como devemos perceber a presença de Deus em nossas vidas e como deve ser a relação entre o líder e seus liderados. “Precisamos lembrar sempre que o Carisma Marista deve caminhar lado a lado com as tarefas a serem desempenhadas. Além disso, devemos fazer algo em que realmente acreditamos”, diz. Alguns conselhos também foram dados. “Mais do que ouvir, tenham a sensibilidade de escutar. Renove o jeito de trabalhar, mesmo que os processos sejam os mesmos. Crie biomas em que as pessoas possam crescer. Seja flexível. Olhe as pessoas como elas realmente são”, foram algumas das frases ditas com relação à gestão. Mas a conversa foi além e o irmão marista fez com que os presentes pensassem em si. “Evite se impor. As pessoas que dependem disso para trabalhar, são inseguras. Ser pequeno é mais leve que ser grande. Não é o cargo que você ocupa que lhe garante assertividade nas decisões”, explanou. Com palestra Irmão Natalino frisou que gostaria que todos saíssem, ao menos, provocados com as colocações apresentadas.

Foi o que aconteceu com o diretor geral do Colégio Marista de Goiânia, Roberto Gameiro. “Normalmente faço poucas anotações nas formações. Não foi o caso na palestra com o Irmão Natalino. Sua experiência solidificada como Marista, trouxe uma nova visão que agregou e vai ajudar em nosso trabalho”.  Roberto fez questão de lembrar que as formações o fazem voltar às origens, já que está no Grupo Marista há 23 anos. “É a oportunidade que propicia novos encontros e reencontros com pessoas que convivemos, além de nos fortalecer”, comenta.  Muitos dos pensamentos de Irmão Natalino foram reforçados pelo Provincial, Irmão Joaquim Sperandio, quando o mesmo falou sobre o Instituto Marista e a Governança.

No período da tarde pequenos grupos participaram de rodas de conversa e conheceram as iniciativas de diversas áreas do Grupo Marista. Os temas apresentados foram: Internacionalidade, Juventudes e Vocacional, Sustentabilidade e Defesa de direitos. Eduardo Damião da Silva, Decano da Escola de Negócios da PUCPR, se surpreendeu com o foi dito. “Conhecendo essas iniciativas vemos que podemos nos ajudar ainda mais e aproveitar as sinergias do próprio Grupo Marista”, diz.

O último dia do encontro contou com a participação o Padre Vilson Groh, que propiciou um momento de interiorização com os participantes. A Formação em Identidade e Missão Marista terminou com um almoço de confraternização.