Aconteceu nos dias 02 e 03 de setembro a 5ª edição do ACAMP’s, no Recanto Santa Maria, promovido pela Pastoral do TECPUC. O encontro contou com a presença de 83 jovens de diversas unidades maristas.
O ACAMP’s iniciou em 2011, com aproximadamente 30 participantes. A proposta tinha como objetivo promover o trabalho em equipe, aprofundar os valores maristas e gerar laços de amizade. Mesmo sem ter nenhuma estrutura pronta, local, ou mesmo orçamento para a atividade, intenção, despojamento e dedicação não faltaram e com isso iniciou uma experiência que viria a se tornar um marco na vida de cada um que passou por ela.
Em 2012, a equipe de Pastoral chamou jovens maristas de outras unidades, para tomarem a frente do desafio de realizar o II ACAMP’s. Com a PJM formada no TECPUC, a ideia era promover um acampamento apenas para os participantes dela. Com 20 campistas, o espaço do Recanto Santa Maria foi palco de mais uma grande aventura.
Com apenas duas edições o ACAMP’s já ecoava pelo TECPUC. Em 2013 não foi possível realizar o encontro. Mesmo assim as boas lembranças ficavam guardadas nos corações. Já em 2014, quando foi divulgado o período de inscrições, os participantes da PJM ficaram atentos e mesmo sem saber detalhes de como seria, tinham a convicção de que vivenciariam um momento muito significativo. Nessa edição o local escolhido foi o Espaço Verde que acolheu os jovens do TECPUC para sua imersão campista.
Ganhando espaço e confiança, em 2015 a Pastoral do TECPUC foi mais ousada e lançou a proposta de expandir o ACAMP’s para outras unidades maristas. Em parceria com o Centro Social Marista Ecológica, que cedeu seu espaço para a realização do evento, além dos seus educandos, estiveram presentes alguns alunos do Colégios Maristas Paranaense, de Curitiba, e PIO XII, de Ponta Grossa. A ideia gerou excelentes frutos para aproximadamente 50 jovens e mais uma vez as expectativas foram superadas.
Enfim chega o ano de 2016, hora de realizar a 5ª edição do ACAMP’s. Para surpresa de todos, houve uma adesão em massa tanto do TECPUC, com cerca de 50 participantes, como das demais unidades que confiaram seus jovens e enviaram um número ainda maior do que no ano anterior. Desta vez os jovens da PJM universitária estiveram presentes, partilhando sua realidade e experiência na universidade. Foram 83 participantes que aceitaram o desafio. A equipe de organização já era muito maior, contando com 28 pessoas que, nas mais diversas funções, foram fundamentais para todo o processo. O desafio foi grande, a previsão era muita chuva, mas a vontade e dedicação de cada um em fazer o ACAMP’s acontecer da melhor maneira possível foi muito maior.
Parafraseando Raul Seixas: Sonho que se sonha só, é só um sonho que se sonha só, mas quando se sonha junto e faz acontecer o sonho vira realidade. O ACAMP’s foi sonhado e idealizado para fazer a diferença na vida de todos aqueles que se dispuserem a vivenciá-lo, promovendo o protagonismo juvenil e a superação de si mesmo. Todas as atividades realizadas sempre foram preparadas através da ótica da PJM e dos valores maristas, a partir de uma reflexão sensível aos apelos dos jovens. Ganhando corpo e forma, ano a ano o ACAMP’s vai se superando e surpreendendo, como uma sementinha plantada inicialmente dentro do TECPUC, e partilhada entre todas as unidades maristas que confiaram seus jovens e enriqueceram a partilha das realidades. Fica um profundo agradecimento a todas as parcerias e aqueles que se doaram para que que cada vez mais o ACAMP’s alcance muitos corações.

Depoimentos de alunos que vivenciaram a experiência do ACAMP’s

Os ACAMP’s foram uma parte importante da minha formação porque são experiências para além de sala de aula. Você realmente tem que trabalhar em equipe, cumprir metas e se sente realmente desafiado, coisa que nem sempre acontece na sala porque a escolarização é muito teórica. Experiências como essas do ACAMP’s nos fazem aproximar das pessoas, experimentar momentos que talvez não nos damos o luxo devido à forma como vivemos hoje, o que torna ainda mais rica essa experiência. É uma verdadeira educação, no sentido além da mera escolarização, de autoconhecimento, auto superação e desenvolvimento da autonomia e espirito de família (André Luiz Barreto – Ex aluno de informática TECPUC, acadêmico de filosofia PUCPR).

Falar sobre o ACAMP’s nunca e uma tarefa fácil, mesmo essa sendo a minha quarta participação. Esse acampamento e um espaço privilegiado de autoconhecimento e percepção dos pilares básicos daquilo que compõem o nosso ser. No ACAMP’s vivi os mais belos momentos da minha breve trajetória de vida, superações sem iguais, amizades feitas que se perpetuam a vários anos e um profundo estreitamento de laço com a minha família. E por ter vivido experiências tão incríveis me sinto honrada por fazer parte da equipe de organização, e um sentimento de dever cumprido, sem contar o orgulho que eu tenho de ver cada vez mais jovens se envolvendo com o acampamento e se colocando à disposição para o mesmo. Dizemos que o que acontece no ACAMP’s fica no ACAMP’s e isso talvez seja a maior verdade uma vez que as experiências que se vive não se consegue pôr em palavras e ser transmitidas aos demais , só estando La para vivenciar essa profunda conexão consigo e com os outros. (Brunna Vieira – Ex aluna de administração TECPUC, acadêmica de psicologia PUCPR)

Sem dúvida, os momentos que vivi no ACAMP’s foram alguns dos mais desafiadores e únicos pelos quais passei durante esses 6 anos de PJM. Cada pessoa, cada momento… Tudo foi único. Enfrentei desafios e os superei; criando a partir disso, uma nova concepção sobre quem eu sou, e até onde posso chegar. Cada uma das pessoas que estavam lá se permitiram vivenciar a magia dos momentos; e isso foi essencial para que o acampamento tivesse toda essa singularidade. Saímos de casa com uma visão de mundo, e voltamos com outra onde conseguimos nos enxergar como protagonistas das mudanças que queremos; como protagonistas das nossas próprias histórias. Fazer parte desse acampamento, me fez confiar mais em mim, e vivenciar mais uma vez, o que é, de fato, ser PJM. (Julia Lisboa, aluna de administração TECPUC)

O sentimento mais forte do ACAMP’s é de descobrimento, porque nele eu descobri novas pessoas, brincadeiras e alguns medos que eu nem sabia que tinha. A sensação de coordenar equipe da limpeza foi inesquecível. Mesmo conhecendo poucas pessoas, tive que me enturmar com pessoas diferentes e isso foi muito bom. (Lucas Buratto dos Santos, aluno de informática TECPUC)

Eu achei o ACAMP’s muito legal, posso afirmar com certeza que vai ser uma experiência que levarei pelo resto da minha vida, o ACAMP’s foi algo muito acolhedor, principalmente no momento de dificuldade que eu estava passando, sou muito grato por cada pessoa que fez isso ser possível, e posso dizer com 110% de certeza que irei novamente ano que vem. (Luiz Felipe Picolo, aluno de informática TECPUC)

Nesse V ACAMP’s, o quarto que tenho oportunidade de participar, descrevo como sendo desafiador tanto para nós da organização, quanto para aqueles que aceitaram fazer parte dessa experiência única. Vi jovens ultrapassando obstáculos e passando por momentos de superação, mas principalmente, vi jovens compartilhando o amor. Esse final de semana que passei com esses jovens teve um significado a mais para essas pessoas que juntas estavam vivendo um sonho idealizado há mais de 200 anos. Um sonho de ir além dos nossos muros e semear amor a todos aqueles que necessitam. Sou eternamente grato a todos que fizeram parte dessa loucura junto comigo e tornaram possível esse acampamento. Somos frutos de uma promessa e eternos semeadores do amor! Ex aluno sim, ex Marista nunca! (Matheus Rosa, ex-aluno de administração TECPUC, acadêmico de psicologia PUCPR)

No começo do ACAMP’s eu estava bem animado e não sabia como ia ser esses dois dias com outros alunos e enquanto ia desenrolando o ACAMP’s eu fui percebendo que ele estava me deixando bem diferente de quando eu entrei lá. Foi uma experiência única que realmente muda a gente, e no fim é um misto de sentimentos felicidade, alegria, saudade e uma vontade de fazer de novo (Rafael Augusto Leandro, aluno de mecatrônica TECPUC)

Foi muito legal ser convidada para participar do ACAMPS, a PJM universitária não participa da maioria dos eventos e esse com certeza foi um dos melhores que eu já fui. Superou as expectativas e apareceu no momento mais certo da minha vida, conhecer pessoas novas e que tem esse mesmo amor pela pastoral e pela PJM, me iluminar a cada atividade com o carisma que eles carregam e conhecer as diferentes realidades. Desafiei a mim mesma na maioria das atividades e me surpreendi, superei medos, aprendi a ter confiança no outro. O ACAMPS é único e especial, uma das melhores experiências que já participei e que transformou pequenas coisas da minha vida. (Leticcia Godoy, ex aluna do Colégio Marista de Ribeirão Preto, acadêmica de Psicologia PUCPR)

Definitivamente, o ACAMP’s foi inesquecível. Cada momento tinha algo especial por trás, uma mensagem a ser entendida, mesmo que fosse uma simples brincadeira. É incrível poder ter participado de uma experiência tão maravilhosa, que com certeza, me transformou em alguém melhor. Para mim, será uma das melhores memórias da PJM (Vinicius Santi, aluno do Colégio Marista Paranaense)

O Acamp’s de 2016 foi o meu segundo Acamp’s, e mesmo já tendo participado antes, foi uma experiência totalmente diferente. Em acampamentos da PJM as vezes me sinto no céu, todos os participantes estão em uma sintonia incrível com o que é proposto, todos os desafios são superados em grupo, ninguém julga as suas dificuldades, muito pelo contrário, nos ajudam a superá-las. Rimos das estratégias que não deram certo, choramos juntos nos momentos de reflexão, pensamos em nossa família e amigos e percebemos que eles também pensam em nós. As vezes não vamos em festas, churrascos, aniversários ou deixamos de viajar para ir em encontros da PJM e em nenhum desses eu me arrependo de ter ido. É muito bom conhecer pessoas que pensam como você e tem o mesmo propósito que você, reencontrar amigos e ser recebido por uma equipe acolhedora que planejou cada segundo de um evento que marcará a sua vida para sempre. (Stephânia Semioni, aluna do Colégio Marista PIO XII).

Primeiramente eu queria agradecer pelo momento incrível que eu passei no ACAMP´S 2016. Por todo esse período que tive a felicidade de vivenciar, conheci pessoas novas, descobri atividades que nunca tinha visto e nem desenvolvido. Esses momentos foram incrivelmente maravilhosos, fiz dessa oportunidade uma grande parte da minha vida. Eu Aline Kappeller declaro oficialmente que sou parte do ACAMP´S 2016. (Aline Kappeller, Educanda do Centro Social Marista Ecológica)

Quando cheguei no ACAMP´S eu estava nervosa, achando que nada ia dar certo, que eu não ia conseguir fazer as atividades e não ia fazer amizades (ser a mais excluída) mas enfim…. Até que começaram a dividir os grupos, no começo eu não estava muito próximo deles, mas a gente foi enfrentando nossos desafios e fomos nos aproximando mais e mais, até que o grupo já estava superunido e nós conseguimos passar por tudo com muita facilidade. Resumindo o ACAMP´S foi um dos melhores eventos que já fui da PJM, me ajudou principalmente a ter confiança, e enfrentar desafios sem medo de errar… O ACAMP´S demostrou o amor que a PJM transmite. Não importa onde estamos, somos uma família e sempre estaremos juntos. (Larissa Lopes, Educanda do Centro Social Marista Ecológica)

O Acamp’s foi épico, foi simplesmente inesquecível. Saber que conhecer novos amigos, e com eles passar por desafios difíceis é gratificante. Acamp’s é um degrau para completar nossos desafios da Vida. É mais um passo para o futuro e para ser ainda mais marista, sendo uma pessoa melhor para mim e para todos. (Adryan Souza dos Santos, Educando do Centro Social Marista Ecológica)

Foi muito divertido, trabalhamos em grupo para vencer os desafios e descobrimos que se você dividir os seus problemas com alguém tudo pode e fica mais fácil, também descobri que somos todos como uma família, se ajudando e compreendendo as dificuldades uns dos outros (Matheus Rafael Dos Santos, Educando do Centro Social Marista Ecológica)