Entre os dias 11 e 12 de agosto, Irmãos Leigos e Leigas Maristas que participaram das etapas de preparação ao Capítulo Geral estiveram reunidos no Memorial Marista, em Curitiba (PR), para recolher, confirmar, partilhar e celebrar todo o caminho percorrido em preparação ao importante evento que acontece, em setembro, em Rionegro, Colômbia.

A Assembleia foi realizada no andar térreo do Memorial, onde se encontra a réplica da Mesa de La Valla. A escolha tem ligação direta com o significado do espaço na Maison Champagnat, que representa a comunidade e a fraternidade: La Valla: Casa de Luz e Casa de Maria. Fazendo referência à carta convocatória do Superior Geral, Ir. Emili Turu, o espaço da Assembleia também contou com um farol, para servir de referência para navegar e poder chegar a um porto seguro. Segundo o documento, a Casa de La Valla continua sendo fonte luminosa que alimenta nossa espiritualidade e mostra o caminho a seguir. Além disso, os participantes puderam refletir e compartilhar a importância e necessidade de sermos casas de luz e de Maria uns para com os outros.

Os participantes da Assembleia, vindos de diferentes unidades e comunidades da Província, foram divididos em grupos ao redor de mesas redondas, visando o diálogo, o debate, a proposição e a criação de consensos sobre temáticas prioritárias, emergentes e urgentes para a vida e missão do Instituto Marista. O evento contribuiu sobremaneira para gerar reflexão em torno das provocações do processo preparatório e indicar as principais proposições e prioridades da Província Marista Brasil Centro-Sul aos próximos oito anos do governo geral do Instituto Marista, assim consensuadas nos seguintes temas: 1) Espiritualidade e Mística; 2) Relações Fraternas e de Comunhão; 3) Identidade Marista; 4) Missão em Espaços de Fronteira; 5) Atenção aos sinais de um mundo plural; 6) Educação como meio de transformação social e 7) Estruturas eficazes a serviço das pessoas e da missão evangelizadora.

Os resultados desses dias de diálogo revelam expressões da Província. “Devemos olhar com atenção para nossas crianças e jovens e nunca abandonar a fraternidade, a comunidade e a solidariedade”, comenta Irmão Carlos Wielganczuk.

As reflexões sobre diferentes temáticas fez com que Irmãos, Leigos e Leigas reafirmassem a identidade Marista, o compromisso com o carisma e a perenidade da missão. “A Assembleia também reavivou nosso compromisso de aprofundar quem somos, o que queremos, para onde vamos e que vivemos para servir os outros”, diz Irmão João Carlos do Prado, Superior Provincial eleito para o mandato 2018-2020.  Segundo ele, a diversidade, as especificidades e as contribuições trazidas na Assembleia serão muito importantes para o Capítulo Geral. “Tivemos muitos olhares e percepções sobre cada tema debatido. Todos os apontamentos são relevantes para o Instituto Marista”, comenta.

O final da Assembleia foi marcado pela celebração de envio dos representantes da Província que estarão em Rionegro: Ir. Joaquim Sperandio, Ir. João Carlos do Prado e Jimena Grignani, leiga convidada, além da Priscila Staniski, colaboradora da Diretoria de Tecnologia e Sistemas que dará suporte durante o Capítulo Geral. Ir. Joaquim Sperandio lembrou que além das contribuições trazidas na Assembleia, o acompanhamento e as orações serão essenciais como sintonia e unidade em torno do Capítulo. “Que o Espírito Santo nos ilumine e que as proposições que levaremos de nossa Província contribuam com a perenidade da vida e missão maristas”, diz.