O colaborador do Setor de Vida Consagrada e Laicato (SVCL), Ernesto Lazaro Sienna, doutorando do Programa de Pós-Graduação em Teologia da PUCPR defendeu na última quarta-feira (28) a sua tese de doutorado que tem como tema “A pedagogia social do Pe. Marcelino Champagnat e a educação Marista”.

Na pesquisa ele analisou o contexto da Revolução Industrial e da Revolução Francesa, suas consequências sociais, a reação da Igreja diante das questões emergentes a partir dos idealistas sociais e do catolicismo social e como se deu o desenvolvimento do Carisma educacional Marista neste contexto social.

O trabalho foi desenvolvido com base em pesquisas bibliográficas e documentais, analisando o contexto social, político, religioso das Revoluções e da formação da Congregação Marista a partir da vocação sacerdotal de Marcelino Champagnat. Neste processo utilizou-se da hermenêutica como busca de uma interpretação possível para as intuições e motivações sociais, pedagógicas e religiosas de Marcelino Champagnat na formação de seu carisma educacional.

Estavam presentes na banca o orientador do trabalho, Prof. Dr.  Alex Vicentim Villas Boas (PUCPR); os convidados internos – Profa. Dra. Clélia Peretti e Prof. Dr. Peri Mesquida – (PUCPR) dois convidados externos – Profa. Dra. Maria Clara Bingemer (PUC-RIO) e Prof. Dr. José Neivaldo da Silva (FABAPAR).