Mesmo distantes e sem se conhecerem pessoalmente, os alunos do 4º e 5º ano dos Colégios Maristas de Goiânia (GO) e Cascavel (PR) estão se correspondendo uns com os outros e escrevendo poemas coletivamente por meio da internet. Esta semana, o grupo participou simultaneamente em seus Colégios de uma videoconferência e conversarão sobre a atividade.

O projeto “Poesia e tecnologia, isso traz alegria”, desenvolvido de forma interdisciplinar nas áreas de Língua Portuguesa e Tecnologia, utiliza a plataforma Blackboard para a produção coletiva de poemas pelos alunos.

Assim, os estudantes de Goiás e do Paraná podem conversar e enviar seus textos uns para os outros, disponibilizando-os para leitura dos professores e também dos familiares.

“A proposta Marista para o Ensino Fundamental visa à formação de um aluno crítico, solidário e pesquisador. O projeto Poesia e tecnologia, isso traz alegria mostra que o uso das diferentes tecnologias, quando utilizadas em prol da educação, traz muitos benefícios e agrega valores imensuráveis no dia a dia das nossas crianças”, afirma Juliano Mezzaroba, assistente psicopedagógico do Colégio Marista Cascavel.

Inicialmente, os alunos participaram das sessões de videoconferências para se conhecerem, formarem as duplas e escolherem os temas dos poemas. A partir de então, as duplas passarão a se comunicar durante as aulas, enviando os textos para os colegas do outro Colégio e, assim, vão construindo a poesia. Ao fim do projeto, os trabalhos formarão um ebook que será disponibilizado na plataforma iTunes dos Colégios Maristas.

“As crianças estão muito entusiasmadas, o projeto estimula um novo olhar para a poesia, mais interativo, e também o protagonismo na produção dos textos. Percebemos bons resultados no desenvolvimento da escrita, inclusive os professores conseguem avaliar melhor as dificuldades dos alunos”, relata a coordenadora de tecnologia educacional do Colégio Marista Goiânia, Joicilany Costa.